Pages

Sunday, 6 July 2008

Deixei as pedras rolarem


Meu povo, eu queria abrir um gigantesco parentese com esse post e falar de um assunto serio. Eh algo que eu queria falar ha muito tempo mas deixei na gaveta pois esse nao eh o objetivo do meu blog. Meu blog eh para falar de coisas leves, engracadas e corriqueiras. Mas nao consigo controlar essa minha necessidade de deixar esse assunto sair da minha mente e entrar no meu laptop.

Eu nasci em uma familia catolica, fiz primeira comunhao, frequentei grupos de jovens e ia a missa todos os domingos. Acreditava veementemente na dicotomia ceu e inferno. Cresci, amadureci, estudei, viajei. Apesar de nao ser um estudioso ou uma pessoa entendedora de assuntos filosoficos ou humanistas, tenho uma teoria muito minha. Essa teoria eh baseada apenas no que vejo no mundo e no que sei da historia da humanidade. Basicamente, eu acredito que o grande mal da humanidade chama-se Religiao.

Aqui cabe uma explicacao antes que vc leitor atire a primeira pedra. Religiao a que me refiro eh ela como instituicao, nao como conceito. Ha muitos estudiosos que falam que religiao eh uma necessidade do ser. Acredito nisso. Religiao eh e deveria ser a forma de nos ligar a Deus. Full Stop.

Nao sou ateu, por falar nisso. Acredito em Deus e ‘sinto’ muito profundamente que ele existe. Dei um destaque no verbo sinto pois eh assim que devemos tentar entende-lo. As religioes cometem o maior dos ‘sacrilegios’. Elas materializam Deus. Usam Deus para defender teorias proprias, padroes de comportamentos e interesses. O pior eh que em nome de Deus jah se matou muita gente e ainda mata-se muita gente.

Vou agora atirar a primeira pedra. A religiao catolica jah matou mais gente na historia da humanidade do que qualquer guerra. Hoje ela nao mata, mas massacra psicologicamente. Ela hoje eh um Estado chamado Vaticano que, atras de suas riquezas e portas opulentas, Deus eh materializado de uma forma revoltante.

E as religioes evangelicas no Brasil? Elas roubam o pouco que o pobre tem. Impoem condutas baseadas na biblia mediante uma interpretacao miope do que eh conveniente. Elas atiram pedras, julgam e se isolam em seus guetos que sao chamados de templos. O escudo? Deus, claro. E aqui estah Ele novamente materializado. E jogo tambem pedras em todas as outras religioes. As que fazem atentados terroristas e as que criam Estados. Gente, Estado!!! Que absurdo criar um Estado religioso.

Tendo dito tudo isso, vou agora me contradizer. Eu tenho uma religiao. Eu sinto a necesiade de ter uma religiao. A minha religiao eh perfeita? Impossivel. Mas o que gosto na minha religiao eh que ela sabe que nao eh perfeita. Mas vou atirar uma pedra aqui tambem. Eu sinto uma tentativa de materializacao de Deus quando vejo um excesso de erudicao e tecnicalismos em palestras espiritas (eis a minha religiao). Algumas palestras eh preciso ter um dicionario a mao. Outras, parece ateh a Teresa Raquel recitando a lista telefonica. Uma dramaticidade digna de concorrer a um premio de teatro.

Pessoal, a minha motivacao para jogar tantas pedras eh o que tenho lido na midia. NAO AGUENTO mais essa hipocrisia reinante de Estados religiosos que continuam matando indiretamente quando se opoem a distribuicao de preservativos. Ou a movimentos religiosos que marcham ao senado brasileiro para barrar a aprovacao de leis contra o preconceito. EU CANSEI!! Tanta gente morrendo de fome e tanta incertezas no mundo e grupos gastam recursos em favor do preconceito!! Isso eh um exemplo crasso de materializacao de Deus.

Eu tenho essas pedras guardadas na gaveta ha muito tempo. Como sei que nao tenho respaldo para atirar pedras jah que muitas estao vindo em minha direcao, elas continuaram guardadas na gaveta. Mas hoje pensei e deixei as pedras rolarem. Tenho a eternidade diante de mim para prestar contas por essa pedras lancadas.

Bom meu povo, chega por aqui, neh. Desabafei e fiz publica a minha indignacao. Mas apos ler o que acabei de escrever, penso que estou tembem sendo intolerante. Vou refletir sobre isso. Mas uma coisa eu falo pra voces. Posso ateh estar sendo intolerante ou estar me contradizendo em varias coisas. Mas uma coisa eu garanto. Eu SINTO Deus.

Abracao

Nelson

PS: Prometo que soh assuntos bobos e futeis de agora em diante. ;)))